Início Post 1001-cap-25

1001-cap-25

25. A Nobre Senhora Retornada (24)
“Bem! Traga-a para fora! ”
“No momento em que abrirmos a porta, você não vai atacar, certo— !?”
“Claro! Estamos nos preparando para escapar agora, não temos tempo para lidar com você! ”
Então, a porta foi aberta por dentro— .
Atrás de Jill, todos se protegeram atrás da barricada.
O exterior ainda estava claro. Um homem que parecia ser o líder deu um passo à frente. Ele era um jovem.
O cara era muito bonito. Sua aparência era frívola, exalando o charme de uma assassina.
(N/T: frívola – Que não tem importância; inútil, superficial.)
“Tudo bem, essa é a criança que estamos procurando. Eu tenho que dizer ‘bom trabalho’ e também… ”
Assim que ele confirmou, o líder mercenário, que estava vestido com um uniforme da Divisão do Norte, levantou a mão. Os mercenários atrás dele puxaram as cordas de seus arcos. Suas flechas estavam brilhando.
“- adeus. ”
Jill bateu com o joelho no rosto dele mais rápido do que as cordas do arco poderiam ser puxadas. Sua cabeça quase girou para trás, antes de apertar o pescoço –
“—Se vocês ainda valorizam suas cabeças, larguem suas armas!”
“Essa criança está blefando! Não se preocupe comigo, cuide dessa criança primeiro— “
No momento em que ela balançou o punho direito, todos os inimigos ao seu redor foram destruídos.
O vigia em frente à catedral se partiu ao meio e pousou no outro grupo que estava prestes a lançar suas flechas.
“O qu…?”
“A propósito, antes de voltar para cá, destruí todos os navios.”
Jill estalou o dedo, pisando na parte de trás da cabeça do líder caído.
“Escolha. Você quer morrer aqui ou parar de resistir e se render com calma? ”
“… Fuhaha! Você baixou a guarda, não foi ?! Ei, agora—! ”
O líder dos mercenários não conseguiu terminar suas palavras, afinal, um momento depois, alguém foi expulso da catedral por Zeke.
Era ninguém menos que o padre com quem Sofia se confidenciava.
“Muito ruim para você, Senhorita Sofia está segura.”
“O sacerdote agora carrega facas e ataca as pessoas – ah, mas onde nosso mundo chegou?”
Ouvindo as palavras de Zeke e Camilla, o líder ficou impotente imediatamente.
“… você pode me agarrar, mas por favor, deixe meus subordinados irem.”
Então ele ainda possui alguma atitude cavalheiresca?
Zeke e Camila trocaram olhares.
Jill respondeu simplesmente.
“Claro, se você confessar quem mandou você.”
“… como se você precisasse perguntar isso, é Marquês Veil.”
“Você pode dizer isso para o imperador?”
“Como se ele fosse ouvir minhas palavras! Para ele, somos apenas lixo! Te digo-”
“—L, Líder !! Líder!! O Marquês Veil está se voltando contra nós !! Ele está atacando !! É diferente do que foi prometido— “
O homem que correu para eles foi subitamente perfurado por uma flecha. Ele morreu imediatamente.
Sofia, de dentro da catedral, gritou.
Enquanto o líder tentava se libertar, Jill o segurou novamente. Ela sussurrou para ele. Seus olhos estavam cheios de intenções assassinas.
“Aguente.”
“Aquele bastardo- !!”
“Você quer que todo o seu grupo seja aniquilado- ?! Vocês são apenas peões abandonados, agora, você entende isso, correto— !? Vou ajudar vocês tanto quanto eu puder, mas por agora, esperem !! ”
O líder arregalou os olhos.
Atrás do batedor caído, vieram os cavaleiros. Seus movimentos eram fluidos e ordenados, era impensável para um mero exército particular – eles tinham que ser bem treinados.
“… você é a criança que seduziu o Imperador?”
Havia um único homem que andava a cavalo. Ele saiu da galante guarnição de cavaleiros.
“Pai …” Sofia proferiu em uma voz fugaz.
(N/T: fugaz – rapidez; rápido, ligeiro, veloz.)
O homem parecia destemido. Havia desprezo em seu olhar enquanto ele olhava para Jill.
Jill costumava ver esses olhares no Castelo de Kratos.
“Tão jovem, mas já praticando bruxaria – monstro nojento! Não espero menos de Kratos. ”
A risada de Jill ecoou de volta.
“Prazer em conhecê-lo, Marquês Veil. O porto naval foi reivindicado pela Divisão do Norte! ”
“O que você está dizendo, acabei de chegar aqui.”
Jill chutou o Líder que ela estava pisoteando para Zeke. Eles devem evitar que o Marquês Veil tome o crédito com todas as suas forças.
O marquês Veil ergueu a mão com uma risada. Ao mesmo tempo, uma grande sombra foi lançada sobre eles de cima.
Ela olhou para o céu – havia um dragão. A chama exalada de sua boca não era uma chama normal.
Foi o fogo do julgamento concedido pelo Deus Dragão.
“No momento em que me livro de todos vocês, é quando o trabalho é considerado concluído.”
“Todos, retirem-se para a catedral!”
Se Jill estivesse sozinha em tal situação, não haveria problema. No entanto, os outros também estavam lá. O incêndio da catedral seria problemático, portanto ela não tinha escolha a não ser impedir que isso acontecesse.
Ela fez uma posição e olhou para cima novamente – no céu, o dragão abriu a boca.
… Aí vem!
A fumaça saiu da boca do dragão.
No momento em que Jill piscou, o dragão expandiu suas asas e então …
– desabou no chão.
O exército do Marquês Veil foi esmagado por seu corpo.
Quando a comoção começou, o próprio Marquês Veil estava em alvoroço.
“O, por que de repente— !? Levantem-se! Ataquem-!!”
“Como se ele pudesse fazer isso na presença do Imperador Dragão.”
Uma voz atravessou os clamores – entretanto, o tom não era tão gentil quanto a voz.
A confusão diminuiu, como se todos estivessem submersos em água fria.
A pressão do poder mágico causou arrepios.
Foi a mesma sensação de quando ela ainda estava no Reino de Kratos. Jill exalou profundamente.
Marquês Veil, tendo conseguido rastejar seu corpo debaixo do dragão, disse enquanto ofegava.
“S, Sua Majestade, o Imperador!”
***